Zaqueu o publicano

“E disse-lhe Jesus: Hoje veio a salvação a esta casa, pois também este é filho de Abraão.

Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido”.

Lucas 19, 1-10

Para entendermos este texto precisamos saber quem era Zaqueu e o que era um publicano na época de Jesus. Publicano era  alguém que cobrava impostos para o Império Romano. Roma havia subjugado toda a Palestina, obrigando os Judeus a pagarem tributos.  Os publicanos caminhavam de província em província, de cidade em cidade, recolhendo impostos nas casas e nos comércios. No tempo de Jesus, ser publicano, era uma forma muito eficaz de ser bem-sucedido financeiramente. Mas, para ter essa “boa vida”, pagava-se o alto preço do abandono e do ódio.

O publicano palestino era um judeu que trabalhava recolhendo impostos do seu próprio povo, colaborando para a sua opressão. Era um aliado daqueles que oprimiam a sua nação. Por isso os publicanos eram rejeitados e odiados.

Zaqueu era bem-sucedido, mas faltava algo na sua vida, pois sabemos que o dinheiro não preenche o vazio da alma. Havia a falta de Deus. E isto fica claro quando Zaqueu ouve que Jesus estava passando e por ser de baixa estatura ele subiu em uma árvore.

Olhando a história de Zaqueu compreendemos que quando um homem precisa de Jesus, ele:

1 — Supera as dificuldades que encontra. No caso de Zaqueu foi a multidão e a sua baixa estatura.

Às vezes as dificuldades estão fora e outras em nós. Zaqueu enfrentou às duas dificuldades. Quando temos sede da presença de Jesus não olhamos para as dificuldades.

2 — Ele superou as críticas

Houve uma dupla crítica sobre este encontro. Criticaram Zaqueu por ser um pecador e criticaram Jesus por entrar na casa do pecador. Sempre haverá oposição ao nosso desejo de estar com Jesus, pois satanás constantemente põe obstáculos. Ele usa até mesmo as pessoas mais próximas: um cônjuge, um pai, um filho, um amigo. Satanás também lança mão de nossas falhas para conseguir isso.

Conclusão: Para estar com Jesus precisamos superar as dificuldades externas, internas e as críticas que podemos sofrer. A nossa caminhada com Cristo nada é fácil. Precisamos abrir mão da nossa vaidade, do nosso eu e do que as pessoas pensam de nós. Quando olhamos a história de Zaqueu compreendemos que precisamos nos libertar de muita coisa. Precisamos ser livres, pois Cristo nos chama à liberdade. Do que você precisa abrir mão hoje para ter um encontro mais profundo com Deus?

Zaqueu abriu mão do status

Zaqueu abriu mão do status

Abra mão, seja o que for pois a presença do Senhor é melhor e maior do que tudo que o mundo e as pessoas oferecem. Zaqueu abriu mão do status, do dinheiro e se expôs para ter esse encontro. “E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará! Jo 8.32

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *